SÃO JOSÉ DO RIO PARDO E REGIÃO – ANO 34



Novos surtos de Covid-19 castigam países europeus e asiáticos

08/11/2021

Compartilhar



A Europa voltou a tornar-se o epicentro da pandemia causada pela Covid-19. A afirmação é do diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS) para a Europa, Hans Kluge.

“O ritmo atual de transmissão nos 53 países que formam a região europeia é muito preocupante. Se mantivermos a trajetória, podemos ter outro meio milhão de mortos até fevereiro”, ressalta Kluge. Para o diretor, a culpa é do ceticismo em relação à vacina.

“Devemos mudar nossas táticas de reagir aos surtos de covid-19 para evitar que eles aconteçam”, declarou em entrevista coletiva na última semana.

+ Casos de Covid-19 no mundo passam de 250 milhões, leste da Europa tem recorde

+ Taxa de incidência de covid em sete dias na Alemanha atinge nível recorde

Os principais países afetados com o avanço de contaminação do coronavírus são do leste europeu: Rússia, Ucrânica e Romênia, que possuem baixas taxas de vacinação. A Rússia, com um terço de sua população vacinada e com 8,1 mil mortes por Covid-19 na última semana, relatou recordes de casos de Covid-19 no final de outubro (37.678 novos casos diários). Determinado pelo presidente Vladimir Putin, Moscou voltou a viver lockdown desde 28 de outubro.

Alemanha
A Alemanha divulgou nesta segunda-feira (8) que o índice de infecções pelo coronavírus é o maior desde o começo da pandemia: 33.949 novos casos diários. De acordo com o Instituto Robert Koch, a taxa de incidência de Covid-19, medida a cada 100 mil habitantes, subiu para 201,1, acima dos 197,6 registrado em dezembro de 2020.

O premiê do estado da Baviera, Markus Soeder, pediu, em entrevista à rádio Desutschlandfunk, que sejam oferecidos exames de testagem gratuitos e que o governo federal coordene as estratégias de vacinação com a reativação dos postos de vacinação.

O aumento nos casos de Covid-19 na Europa são precedidas pelo início do inverno, o que pode agravar ainda mais a situação.

Reino Unido

O Imperial College de Londres diz que a Covid-19 atingiu o nível mais elevado em contaminações no Reino Unido em outubro deste ano liderado por alta de casos em crianças. Eslováquia, Áustria e Polônia também registram alta de infecções diárias.

A taxa de vacinação explica em parte a volta do coronavírus na Europa: enquanto a Espanha, por exemplo, tem quase 80% de sua população imunizada, a Alemanha conta com apenas 66%. Na Rússia, 32% tinham sido vacinados até outubro deste ano.

China

A autoridade de saúde da China divulgou nesta segunda (8) que foram registrados 89 novos casos de Covid-19 no último domingo (7), um aumento em relação aos 74 casos de sábado (6). Desses novos casos, 65 foram transmitidos localmente, o que aumenta a preocupação do governo.

O aumento dos casos acontece principalmente nas províncias de Liaoning e Henan. Contudo, não foram registradas novas mortes, que permanecem em 4.636 desde o início da pandemia, de acordo com a Al Jazeera. 

*Em nossa região no entorno de São José do Rio Pardo a pandemia está sob controle, com número de casos em queda com o aumento da vacinação. Destaca-se que estamos, também, no verão. Os países europeus e asiáticos que tem enfrentando novos surtos de Covid-19 estão atravessando o inverno, o que deixa uma preciosa lição que pode - ou não - ser digerida pelo governo local. 

*Apesar dos números em queda e da capacidade de enfrentamento dos equipamentos públicos de saúde, necessário não só a vacinação como o uso de máscaras faciais e do distanciamento social. Covid-19 pode matar, não sabemos ainda quem resiste à doença e quem não, e isso não mudou.

Com infromações da CNN Brasil, e acréscimos do DEMCORATA (parágrafos com *)



Comentários


















Leia também:

Tapiratiba
Seguem aulas de cursos do SEBRAE de Administração e Corte e Costura

São Sebastião da Grama
Com apoio de Barros Munhoz, estrada de Grama a Caconde será recapeada

Casa Branca
DIPAM já pode ser entregue pelo produtor rural de Casa Branca

Caconde
Prefeitura dá prazo para limpeza de terrenos. Depois, cobrará pelo serviço

Mais notícias…




Jornal Democrata
São José do Rio Pardo e Região
Whats 19 3608-5040
Tel.: 19 3608-5040

Siga-nos nas Redes Sociais

contato@jornaldemocrata.com.br