SÃO JOSÉ DO RIO PARDO E REGIÃO – ANO 34



Vida eterna

14/10/2021 - por Dom Orani

Estamos celebrando o XXVIII Domingo do Tempo Comum, neste mês de outubro dedicado ao empenho missionário.

A Palavra de Deus é uma luz que ilumina até o íntimo de nossa alma. Ela é luz divina que previne nossas quedas: Não fuja da luz divina da Palavra de Deus que ressoa em seu coração!

Queremos seguir as luzes de nossa consciência, que é a luz de Deus brilhando em nosso coração.

A primeira leitura – Sb 7,7-11 – apresenta o Livro da Sabedoria que foi escrito na cidade de Alexandria (Egito) e procura dar uma resposta à situação dos Judeus que haviam perdido sua fé em Javé, seu Deus. O Povo de Israel havia enriquecido, mas foi perdendo o contato com suas raízes históricas. Perdera sua Fe! A riqueza roubou-lhe a liberdade e a paz.

O autor quer provar que a Sabedoria de Deus é bem superior à riqueza material. É muito mais importante que o ouro, o poder e as honrarias humanas: “O ouro do mundo vale menos que um punhado de areia!”.

A Sabedoria de Deus vale mais que o ouro e seu brilho não se apaga! Ela é uma riqueza incalculável e jamais se desvaloriza!

A Sabedoria é um dom de Deus, mas é necessário pedi-la. E, normalmente, não anda de mãos dadas com a riqueza do mundo. Esta cria conflitos; aquela faz nascer a paz e a fraternidade solidária.

A segunda leitura – Hb 4,12-13 – apresenta que a Palavra de Deus é viva, eficaz e mais cortante que qualquer espada de dois cortes! Ela penetra em nosso íntimo e revela-nos todos os segredos do coração. A Palavra de Deus criou o universo e tornou a terra fecunda, linda e nossa mãe! Palavras, o mundo tem de sobra! Apenas a Palavra de Deus é viva, iluminadora e cortante como uma espada de dois gumes. Ela ilumina até as profundidades de nossa alma!

No Evangelho – Mc 10,17-30 – pensemos bem: A pergunta que este alguém faz a Jesus, não é aquela mesma que nós tantas vezes fazemos? Não é a pergunta definitiva da nossa existência? “Bom Mestre, que devo fazer de bom para ganhar a vida eterna?” - Eis Senhor, qual dos caminhos da vida seguir? Qual me levará para mais longe ou para mais perto de ti? Dize-me, Mestre Bom!

Jesus responde: “Por que me chamas de bom? Só Deus é o Bom!” É verdade: só o Pai é o Bom, é a fonte eterna de toda bondade, como só o Pai é o Santo, e a fonte de toda Santidade. E, no entanto, o próprio Senhor afirma: “Tudo que o Pai tem é meu. Eu e o Pai somos um. Quem me vê, vê o Pai!”.

O Senhor é exigente, o Senhor olha o coração, o Senhor, Palavra “tão penetrante como espada de dois gumes”, quer saber de nossas intenções e não se contenta com nada menos que nosso coração e nossa vida! 

“Jesus olhou para ele com amor, e disse: ‘Só uma coisa te falta: vai, vende tudo que tens e dá aos pobres, e terás um tesouro no céu. Depois vem e segue-me!” 

Meus irmãos, como Jesus é bonito, como é sábio, como é exigente, como vai direto ao ponto!

Primeiro, vede como olha aquele lá: com amor, com aquele amor eterno com que nos amou e reservou para nós o seu amor! Nunca esqueçamos: suas exigências são exigências de amor.

Daí a dura constatação de Jesus: “Como é difícil para os ricos entrar no Reino de Deus! É mais fácil um camelo passar pelo buraco da agulha do que um rico entrar no Reino de Deus! Um grande Bispo americano dizia: “Eu tenho medo de uma faca nas mãos de um malfeitor e não temo uma bomba atômica nas mãos de um Francisco de Assis!

O que causa medo é o coração do homem! Um coração santo e justo somente faz bem para seu próximo.

O dinheiro pode ser ruim no coração do homem egoísta! Cuide de seu coração e pratique o bem em tudo e com todos! E seja generoso com Deus e Ele te abençoará!

Quando Deus é grande em nossa vida, tudo o que nos cerca é pequeno e de pouca importância. Porém, ao contrário, tudo pode nos escravizar: o próprio dinheiro, a roupa que usamos a moda, as aparências, a “carne” que amanhã vira pó!

Deus é garantia de vida, mas o pecado é certeza de morte e de sofrimento”.

Portanto, a salvação é oferecida a todos e por todos nós Jesus derramou o seu Sangue para nos salvar! Deus deve ter os seus segredos para chegar até o íntimo do coração humano e abrir caminho para a salvação dos ricos também! “Para os homens isso é impossível, mas para Deus tudo é possível!

Mas é bom não facilitar em assunto tão sério: a salvação eterna! Façamos o bem com o dinheiro, neste mundo, porque nada dele levaremos para a eternidade!

Orani João, Cardeal Tempesta, O. Cist.
Arcebispo Metropolitano de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ 

Orani João, Cardeal Tempesta, O. Cist. - Arcebispo Metropolitano de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ

Mais artigos de Dom Orani

14/10/2021 - Vida eterna


07/10/2021 - Mesma Dignidade


29/09/2021 - Quem não é contra, é a favor


13/09/2021 - Vacinar-se é cuidar do outro


05/09/2021 - Sede praticantes da palavra


29/08/2021 - Vocação para os ministérios e serviços na comunidade


21/08/2021 - Vale a pena lutar


09/08/2021 - Os idosos, uma experiência de AMAR


18/07/2021 - O Senhor é o pastor que me conduz


05/07/2021 - Tu és o Messias, o filho do Deus vivo























Jornal Democrata
São José do Rio Pardo e Região
Whats 19 3608-5040
Tel.: 19 3608-5040

Siga-nos nas Redes Sociais

contato@jornaldemocrata.com.br